26 de março de 2017

Outros Quinhentos - Coluna Insolência Quinzenal


Dificilmente se pode ler sujeito tão mentiroso quanto Lutero. Para quem tem costume de ler coisa boa vem a ser patente sua charlatanice. Jamais Aristóteles compreende mas o xinga para valer? Idiota! Só podia ser fundador de nova seita. Jamais então chamar igrejas aos seus templos mas, como bem dizia minha bisavó, salões. E pior até: casas de comércio sujo de vender gato demoníaco por lebre sacrossanta.

Daí que me vem estória de torar de banda todas as divergências religiosas no meio conservador para combater a canhota nacional... Bem: espera! Quer dizer que ninguém pode defender a verdade para combater uma mentira?

Mentira se combate com verdade: doa para quem doer!

Por cada letra luterana se percebe claramente toda raiva revolucionária de querer reconstruir ao seu bel-prazer tudo na Cristandade. Jerônimo? Leão? Agostinho? Perpétua? Tomás? Hildegarda? Não! Nem André? Tiago? Paulo? Jamais! Quem então conhece de fato Jesus? O gostosão do Lutero que nem conseguia ler Aristóteles.

Qual é! Para cima de mim? 


Um comentário:

Comente e Dê sua Opinião Sobre O Tema.

Lembrando que qualquer opinião com boa educação é muito bem-vinda, mas ofensas são excluídas.

(obrigado pela visita, volte quando puder)