17 de janeiro de 2013

Assassin's Creed: Renegado (Oliver Bowden) - Primeiras Impressões

Transpor histórias de sucesso para outras mídias é sempre um processo penoso. Os fãs do original serão normalmente os maiores interessados, na mesma medida em que deverão ser os mais exigentes. 

Assim o desafio do autor Oliver Bowden é grande, mas felizmente sua competência narrativa pode ser notada sem dificuldade já no trecho inicial (leia também clicando aqui).

Bowden, como escritor de profissional há anos (mais de 30 livros publicados), tem experiência em confeccionar tramas; qualidade que fica clara no seu estilo que não impressiona, mas que realiza bem o "feijão com arroz". 

Até a opção de usar o diário como forma de narrar favorece essa pretensão de contar bem seguindo moldes pouco criativos. A ideia parece mesmo ser conquistar o leitor pelos acontecimentos e não por uma qualidade literária muito elaborada. 

A iniciativa, pouco pretensiosa, pode soar não tão boa para muitos. Mas diante de várias adaptações que desprezam por completo a qualidade da transposição, o cuidado em colocar a série Assassin's Creed na mão de um escritor cuidadoso já é digno de comemoração.


Recomendo Para Quem

- Fãs da série de Games (principalmente os que já leram as obras anteriores)
- Pessoas que querem histórias recreativas de aventura sem maiores elaborações.

Editora: Galera Record
Páginas: 350



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e Dê sua Opinião Sobre O Tema.

Lembrando que qualquer opinião com boa educação é muito bem-vinda, mas ofensas são excluídas.

(obrigado pela visita, volte quando puder)