26 de julho de 2012

4 Ideias Simples Para Tentar, Finalmente, Terminar de Escrever Um Livro


Não são muitos aqueles que tem facilidade em escrever todos os dias. Vários fatos podem impedir uma escrita regular, principalmente quando se trata de um romance que vai ocupar muito tempo da vida do escritor com apenas uma única história.

Tudo bem que eu não sou um especialista no assunto (até hoje não terminei livro algum), mas lendo informações aqui e acolá (incluindo a minha mente como fonte), reuni algumas despretensiosas ideias que parecem bastante lógicas para concluir uma obra literária diante de todos os estímulos externos que teimam em impedir o ponto final de sua história.

Então vamos a elas.


1- Escrever Diariamente

Este é o mais comum de todos os clichês na hora de escrever regularmente porque é bastante óbvio. Mas a ideia é mesmo tornar o processo um hábito rotineiro, daqueles que você sente realmente falta quando deixa de fazer. 

Evidentemente, existem aqueles dias onde compor o livro é mais complicado (quase impossível) e por mais que você esprema as ideias não saem direito. Neste caso creio que vale escrever algo, nem que seja para ser descartado no dia seguinte ou sobre outra história; o objetivo primordial é manter a rotina da escrita.


2 - Escrever Aquilo que Gosta e Sabe

Muitas pessoas tentam, às vezes sem se dar conta, escrever coisas segundo outras demandas que vão de encontro àquilo que se sabe ou que se quer fazer. Claro que não é errado, mas enveredar por caminhos menos interessantes e mais complexos tende a ser bem mais difícil e por tabela mais complicado para se terminar.

Futuramente pode ser interessante tentar escrever aquela obra-prima sem falhas cheia de complexidades estilísticas e cuidados narrativos, entretanto talvez seja melhor optar no início por algo mais simples para se livrar do peso "do livro que nunca termina de ser escrito".


3 - Continuar Lendo

Todo escritor costuma ser um leitor antes de tudo, portanto manter o hábito não é normalmente difícil. Mas a leitura não só ajuda na hora de melhorar a escrita em si, outra função é não abitolar o escritor à sua história fazendo aquele contraponto para a trama não ocupar 24 horas do dia.

Por isso também cabe aqui fazer várias outras atividades para "desanuviar a mente". Vale qualquer coisa que colabore para reduzir a apreensão e ansiedade; o melhor é que ideias enriquecedoras podem surgir.


4 - Pedir Para Pessoas Lerem e Anunciar que Está Escrevendo

Na maioria dos casos, frustrar os próprios planos é bem mais fácil quando ninguém sabe que eles existiram algum dia. Como seres criados na coletividade, nós humanos levamos muito em conta a opinião dos outros (para o bem e para o mal). Portanto vale avisar alguém de confiança que está escrevendo um livro pois amplia sua responsabilidade em concluir o projeto.

Se você pedir para que esta pessoa confiável leia os trechos do livro pode ser ainda melhor porque as cobranças serão maiores e ainda mais regulares. Tomando sempre o cuidado, evidentemente, de não seguir demais as dicas do amigo correndo o risco de tornar o seu livro o livro dele.


Conclusão

As ideias expostas não são grandes novidades, mas podem ajudar uma ou outra pessoa com problemas em concluir sua obra literária se o escritor não esquecer o sempre essencial comprometimento.

Fica o espaço nos comentários para que cada um dê também sua sugestão de auxílio. Mesmo que ela pareça óbvia, pode ser de grande utilidade àquele que sofre este grande e por vezes ignorado drama de concluir um romance.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e Dê sua Opinião Sobre O Tema.

Lembrando que qualquer opinião com boa educação é muito bem-vinda, mas ofensas são excluídas.

(obrigado pela visita, volte quando puder)