22 de dezembro de 2011

Escritora Espanhola Cogita Parar de Escrever por Causa de Downloads Ilegais


A conhecida escritora espanhola Lucía Etxebarria criou certa comoção ao afirmar em seu perfil no Facebook que deixaria de escrever livros por um bom tempo. Segundo o site do Estadão o motivo para tomar tal decisão seria o fato de seus livros estarem sendo mais baixados ilegalmente que vendidos:

“Como hoje eu descobri que mais cópias ilegais do meu livro foram baixadas do que cópias legais foram vendidas, estou anunciado oficialmente que não vou publicar livros em um bom tempo”, afirmou a autora.

Na ocasião do lançamento de seu último livro, "El contenido del silencio" (sem versão nacional), a autora disse não ter publicado a obra em formato e-book justamente por temer as cópias ilegais, ressaltando o fato de que a Espanha e o terceiro maior país no cometimento deste "crime".

Também em seu facebook a escritora aproveitou recentemente para se defender das acusações de plágio que sofreu. Como justificativa, Etxebarria evocou o direito a intertextualidade em 2001. Já em caso ocorrido em 2006,  fechou acordo com aquele que a acusava pagando cerca de 3.000 euros de indenização e afirmando que o incidente havia acontecido em virtude de um problema na impressão do livro que suprimiu as notas de rodapé indicativas da autoria legítima.

Como nenhum dos julgamentos foi definitivo nada pode ser afirmado, mas seria bastante irônico alguém legislar a favor da propriedade intelectual quando toma a obra de outros como sua, algo bem pior que a pirataria que ao menos não costuma omitir os criadores.

Informação: Estdão, Facebook e Wikipédia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e Dê sua Opinião Sobre O Tema.

Lembrando que qualquer opinião com boa educação é muito bem-vinda, mas ofensas são excluídas.

(obrigado pela visita, volte quando puder)