8 de julho de 2011

DC + Aventura 2 - Crítica / Resenha


Toda a editora que se mete a publicar quadrinhos de super-heróis no Brasil tem problemas, primeiro porque esse tipo de revista não vende como antes graças a diminuição da infância e ao desenvolvimento da internet, permitindo que qualquer um possa baixar e ler quadrinhos em português pouco depois de  terem sido lançados nos EUA, e obviamente, de forma inteiramente gratuita.

Para tentar alcançar um público diferenciado a Panini teve uma bela ideia, lançar hqs custando apenas 2 reais (1,99) com histórias clássicas e completas dos heróis Marvel e DC, assim surgiu neste ano as edições "+ Aventura". 

Tenho que dizer que desde o início gostei bastante da proposta e agora que tive, finalmente, acesso a uma delas adquiri, no caso foi o número 2 da hq "DC + Aventura" que conta com 2 histórias do Lanterna Verde, obviamente em razão do filme do herói que está para sair.

A primeira história conta uma espécie de prólogo ao surgimento do herói esmeralda contando uma peculiar aventura do Lanterna Verde Abin Sur, antecessor do Hal Jordan, onde ele acaba indo parar num local ermo da  galáxia e encontra criatura que sugere sua morte e a chegada de seu futuramente célebre sucessor. É justamente esta história, que nem chega a mostrar o Lanterna Verde mais famoso, que vale a revista pois ela é escrita pelo sempre competente Alan Moore que demonstra toda sua desenvoltura em fazer de uma simples e curta narrativa um belo conto que deixa os fã de hqs do gênero cientes do potencial de seu potencial, que é constantemente suprimido pelas péssimas publicações atuais.

A outra já não é tão interessante, mas informa mostrando como o piloto Hal Jordan torna-se o Lanterna Verde recebendo o anel do quase-morto Abin-Sur, desta maneira acaba que edição realmente fica bem "redonda", como dito no próprio editorial. Surpreendentemente ainda restam três folhas para fichas técnicas dos principais personagens num apanhado bem geral, e evidentemente superficial, sobre o Lanterna Verde, o seu rival Sinestro e a entidade maligna Parallax.

Fica claro que a edição está ali para servir como uma espécie de trailer e manual para o filme e para as várias histórias que serão publicadas na esteira da obra cinematográfica. Porém, o preço baixo e a história de boa qualidade valem a compra mesmo entre aqueles já inciados.

A linha "+ Aventura" é ultimamente uma das melhores pedidas nas bancas, custando menos que um sanduíche de queijo quente ela tem qualidade e conta com histórias clássicas que, além de não se prolongarem por várias edições, contam com uma qualidade narrativa bem superior ao que se acostumou a ler na atualidade, em uma palavra, muito recomendado aos fãs de super-heróis.

Agora é torcer para que a Panini mantenha essa ótima ideia para que possamos ler com nostalgia boas e pequenas curtas histórias que mostram que lê hqs de super-heróis estadunidenses não é tempo perdido.


Leia a sinopse de DC + Aventura 2



[4 de 5]


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e Dê sua Opinião Sobre O Tema.

Lembrando que qualquer opinião com boa educação é muito bem-vinda, mas ofensas são excluídas.

(obrigado pela visita, volte quando puder)