21 de junho de 2011

O Livro como Objeto - Ler é Compreender (Coluna)

(Uma Bela imagem do site Desideratto com muitos livros provavelmente não lidos)

Livro como qualquer outro objeto aliás, é motivo de fetiche, e isso nem é tão raro quanto possa parecer afinal vai dizer que você já não se pegou cheirando as páginas ou apreciando a capa de uma obra recém-comprada, principalmente quando tem o título em alto-relevo.

Muitos, inclusive eu, ainda hoje utilizam as obras literárias como um artigo decorativo denotante de cultura, a pessoa joga diversos livros nunca lidos em alguma estante com o intuito de fazer parecer que a residência é pertencente a uma pessoa culta, para tanto é sempre interessante por coleções de capa dura, e que de preferência tenham o mesmo tamanho para que caibam de forma precisa na prateleira.

Mas é comum condenarmos aquelas pessoas que só apreciam o livro através da beleza  e significado do objeto, mas nada obriga-os a fazer certo uso específico da obra que adquire, então é obviamente válido, todavia ninguém compra uma televisão e a deixa na sala sempre desligada, alguns argumentariam que o problema é o preço mas sabemos que é uma questão básica de instrução cultural.

Agora é inegável que o objeto livro é interessantíssimo afinal nós muitas vezes julgamos o livro pela capa contrariando o ditado. Eu mesmo já me peguei quase, entenda bem quase, adquirindo "Anjos e Demônios" somente pela aspecto (e também pelo preço), já que na minha cidade não existem muitas (nenhuma aliás) opções de livraria.

Em suma, por mais incômodo que pareça aos apaixonados pela obra literária, o livro é sim um objeto e pode ser usado como enfeite ou suporte para o transporte de documentos, afinal quem também já não levou a certidão de nascimento em meio as páginas de um livro qualquer que estava em cima da estante.

Para mim só não vale usar como calço de mesa, isso já é um pouco demais, com exceção de Paulo Coelho talvez. 


Cabe terminar o texto neste momento, antes que ele vire algo profundo de alguma maneira, pois tanto o tema quanto o método de escrita tem de ser similares, ficando ambos apenas na questão da mera aparência.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente e Dê sua Opinião Sobre O Tema.

Lembrando que qualquer opinião com boa educação é muito bem-vinda, mas ofensas são excluídas.

(obrigado pela visita, volte quando puder)